Quando vamos fazer um projeto num terreno 100% se não for um estudo do software? Dificilmente iremos planejar a construção numa planície, seja no campo ou no litoral.

Se este for seu caso, esta dica não é para você, mas caso você esteja na maioria das cidades daqui do Brasil, obrigatoriamente precisa saber qual o melhor platô.

Logo uma tabela de corte e aterro é fundamental para termos a melhor opção para fazer no canteiro de obras, ninguém deseja fazer algo que fique inviável na primeira fase da construção.

Na dica de hoje explico como fazer uma tabela de corte e aterro, e poder fazer este calculo de modo “automático”, faz com que descobrirmos rapidamente a melhor opção.

Vi esta necessidade no primeiro projeto que realizei no projeto, era a construção de um estúdio de pilates, um sobrado num terreno e declive.

Sabia que era possível fazer tal estudo dentro do Revit, porem fiquei muito tempo até descobrir o modo exato para fazer a tabela.

Nos falam no inicio que diversos cálculos podem nos ajudar, mas até descobrir o que realmente precisamos, pode fazer com que perdemos um tempo precioso.

Volto a tocar na tecla da importância de um bom template, não apenas no carregamento de famílias ideias, mas na essência real do template – melhorar o modo que utilizamos o software.

Assista esta aula com carinho e deixe esta tabela pronta para quando necessitar de tal estudo, podendo ser um diferencial nos seus projetos.

Sempre entregue informações a mais que o cliente não esperava no inicio, seja na criação de uma tabela com todo o quantitativo, como na criação de vistas impressionantes.

Post Relacionado:   Como organizar seu navegador de Projetos - Dica 33

Bons estudos 😉

Comentários

Comentários